IEBJP

VERIFIQUE A ESPERANÇA

VERIFIQUE A ESPERANÇA

Amados irmãos, Graça e Paz.

Quando realizamos viagens com o nosso carro, é sempre conveniente fazer um “check-up” para saber se todas as peças estão boas, a calibragem dos pneus, o nível do óleo, da água. No entanto, na grande peregrinação da vida, na nossa viagem existencial na face da terra, às vezes andamos sem fazer alguns “check-ups” necessários. Hoje, eu gostaria de passar um tempo valioso analisando a questão da Esperança: como anda a Esperança em seu coração?

É muito perigoso não refletir a vida sob esse aspecto, porque sem Esperança a “máquina” pára; sem esperança, perde-se a motivação para perseguir objetivos; sem esperança, a viagem fica mais dura, pesada e triste. Paulo diz que “todos os dons passarão, mas três qualidades permanecem: a fé, a esperança e o amor, sendo o maior deles o amor “- 1 Co 13.8,13.

Sem amor, tudo o que fazemos não vale nada para nós (1 Co 13.1-3). Sem fé é impossível agradar a Deus (Hb 11.6) ou ter uma vida espiritual (Rm 14.23; 2 Co 1.24). A fé é fundamental na cura (Mt 8.10-13; 9.2,22,29; 15.28) e foi a área para a qual Jesus mais chamou a atenção dos discípulos (Mt 6.30; 8.26; 14.31; 16.8; 17.20). É fácil concluir que o amor e a fé são fundamentais na vida cristã. Mas, e a ESPERANÇA? Onde entra?

Infelizmente, irmãos, poucas pessoas compreendem a importância da esperança. Ela é negligenciada, mal compreendida, mas tão fundamental para a saúde emocional e espiritual como as outras duas virtudes. Quando perdemos a esperança, entramos em depressão, paramos a caminhada. E se a falta de esperança permanecer por muito tempo, será difícil manter-se vivo.

O QUE É ESPERANÇA?

Esperança é a ardente e inabalável expectativa de receber algo ainda não visível, mas garantido. Veja o que Paulo diz em Rm 8.18-25:

18-Considero que os nossos sofrimentos atuais não podem ser comparados com a glória que em nós será revelada.

19-A natureza criada aguarda, com grande expectativa, que os filhos de Deus sejam revelados.

20-Pois ela foi submetida à inutilidade, não pela sua própria escolha, mas por causa da vontade daquele que a sujeitou, na esperança (21) – de que a própria natureza criada será libertada da escravidão da decadência em que se encontra, recebendo a em dores gloriosa liberdade dos filhos de Deus.

22-Sabemos que toda a natureza criada geme até agora, como de parto.

23-E não só isso, mas nós mesmos, que temos os primeiros frutos do Espírito, gememos interiormente, esperando ansiosamente nossa adoção como filhos, a redenção do nosso corpo.]

24-Pois nessa esperança fomos salvos. Mas, esperança que se vê não é esperança. Quem espera por aquilo que está vendo?

25-Mas se esperamos o que ainda não vemos, aguardamo-lo pacientemente.

Ainda em Cl 1.27, Paulo nos mostra a importância da riqueza deste ministério da esperança em nossa vida: “”A ele quis Deus dar a conhecer entre os gentios a gloriosa riqueza deste mistério, que é Cristo em vocês, a esperança da glória.”

A esperança é a base do nosso esforço, da perseverança em continuar!

QUAL A DIFERENÇA ENTRE FÉ E ESPERANÇA?

Fé é o conteúdo do que cremos; esperança é a atitude com a qual aguardamos a realização de nossa fé. Todo crente bem instruído acredita que Jesus voltará novamente. Até os demônios acreditam nisso. Tem fé. Mas relativamente poucos crentes tem esperança de que Ele logo volte logo.
Essa esperança nos transforma, nos santificando e nos purificando!
[1 Jo 3.2,3] – (2) Amados, agora somos filhos de Deus, e ainda não se manifestou o que havemos de ser, mas sabemos que, quando ele se manifestar, seremos semelhantes a ele, pois o veremos como ele é. (3) -Todo aquele que nele tem esta esperança purifica-se a si mesmo, assim como ele é puro.

Se estamos sem esperança, perdemos algo fundamental para sermos criaturas segundo a imagem de Deus. Sem esperança, perdemos a qualidade de sermos seres humanos; nos degradamos a viver sem o espírito, chegando a viver mais como um simples animal que tenta sobreviver, ou uma máquina que trabalha sem sentir propósito, significado ou alegria em viver. A falta de esperança literalmente se traduz em desespero. O desespero profundo facilmente passa para a morte emocional, que por sua vez pode caminhar na direção da morte física ou até mesmo do suicídio.

Não coloque sua Esperança nas pessoas erradas!

Com certeza muitos estão depositando suas esperanças em candidatos do pleito político neste final de semana, como se eles fossem capazes de atenderem plenamente a todas as demandas e necessidades. Ore, peça orientação ao Senhor, analise e vote, exerça sua cidadania. No entanto, para bem da sua vida, é mais interessante entender e depositar sua total confiança NO SENHOR. Este, sim, é digno de total confiança! Este, sim, é digno de que depositemos nossa esperança!

No demais, Shalom,
Haydene Cassé da Silva, Pr.

Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: